sábado, setembro 10, 2011

A nossa história

A nossa história seria um bom enredo.

É igual a outras tantas.

É diferente.

Porquê?

Tem a distância dos anos acumulado com o cinismo do que se passou e é conjugada na ingenuidade da adolescência.

Em qualquer lado há uma boa história pronta a ser vivida.

Menos no teu coração?

Menos no meu coração.

4 comentários:

Ana Duarte disse...

*

Estive ali a ler o pequeno texto do seu perfil e eu, apesar de ainda ser só estudante de Direito, tive mais ou menos o mesmo percurso... também escrevia muito quando era mais nova e lia muita poesia, depois, durante uns tempos quis ser jornalista... e acabei por me decidir pelo Direito. :)

Maria da Lua disse...

@Ana: Obrigada por me leres tão atentamente. É verdade, quando era pequena adorava o som da palavra "poeta", e depois quando comecei a saber ler, contava histórias a mim mesma. Quando chegou a altura de me decidir por uma profissão, pensei em jornalismo e fiz um curso intensivo. Depois, como costumo, dizer fiquei-me pelo direito de usar as palavras pelos outros. De quando em vez, uso-as para mim. Boa sorte e paciência porque não é um curso fácil.

Ana Duarte disse...

Obrigada, leio atentamente porque adoro o que por aqui vai escrevendo. :) Honestamente.

Obrigada; não é fácil... mas, por enquanto, estou a gostar muito, o que é meio caminho andado. :)

Cath disse...

Este blog está lindo!