terça-feira, setembro 26, 2006

aqui

porque não há mais lugar nenhum onde possa somente gritar sem ninguém me ouvir. porque aqui sou eu sem o ser. porque isso não interessa agora. interessa-me apenas ficar. assim. quieta. à espera que as lágrimas venham. quentes e silenciosas. depois tudo vai passar. quero acreditar.
as lágrimas não descem dos meus olhos. o grito pára na garganta. o lago imenso dos meus olhos fica parado à espera da próxima tempestade. Que há-de vir. vem sempre. é assim a vida. aqui.

1 comentário:

Bubbles disse...

às vezes é bem melhor ficar parado... a doer, a magoar, mas a sentirmo-nos vivos. mesmo que parados.
beijinho :)